Noticias

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Femininos » Taça Nacional de juniores » Paio Pires 2 - 1 Sporting CP, guerreiras de Paio Pires travam invencibilidade das leoas

Destaque para Filipa Assucena autora dos dois golos
 que deram o triunfo às guerreiras de Paio Pires

As guerreiras de Paio Pires,que com humildade,querer e ambição quebraram a
 invencibilidade a turma leonina em provas oficiais

A equipa de juniores femininos do Paio Pires Futebol Clube, quebrou a invencibilidade em jogos oficiais, da equipa de juniores femininos do Sporting Clube de Portugal, ao vencer as leoas, na ronda inaugural da Taça Nacional, por 2-1, em partida realizada no Campo Vale D’Abelha, em Paio Pires.

A equipa paiopirense, orientada pelo técnico Rui Lourenço entrou determinada na partida, ante um adversário que partia para este jogo, como grande favorita, mas foram as jovens de Paio Pires a puxarem pelos galões e ainda não era decorrido um quarto de hora de jogo, já Filipa Assucena, dava vantagem á sua equipa da Aldeia de Paio Pires, vantagem essa com que se atingiu o intervalo.

Na segunda parte esperava-se uma reação da equipa do Sporting, e aos 50 minutos, chegou ao empate, empate esse alcançado num auto golo  de Carolina Silva ,empate esse que durou cerca de quatro minutos, já que a equipa da casa reagiu de imediato e chegou ao segundo golo, e novamente por Filipa Assucena, ela que bisou na partida, sendo determinante para o sucesso da equipa que iniciou da melhor maneira a sua participação na Taça Nacional de Juniores, onde está inserida com as sequintes equipas  Paio Pires Futebol Clube, Sporting Clube Portugal, Escola Futebol Feminino Setúbal, Quintajense Futebol Clube, Estoril Praia , A- dos- Francos, Futebol Benfica.

Um justo triunfo das guerreiras da aldeia de Paio Pires que depois de terem realizado um excelente campeonato nacional entram com o pé direito na Taça Nacional

“As nossas aspirações para a Taça Nacional de juniores, é vence-la”
- Disse ao “Desporto Almada” a capitã Sofia Hilário
A capitã Sofia Hilário, aqui a envergar as cores da seleção distrital da AFSetúbal.
Foto de arquivo

- Uma vitória importante, essa que alcançaram. Onde esteve o segredo para esta vitória?
 - “O segredo do nosso triunfo, está na união de todo o grupo de trabalho, não foi nada fácil, mas unimo-nos e lutamos, como autênticas guerreiras e o prémio foi a vitória”

- Quais são as vossas aspirações para esta prova?
- “A nossa aspiração para a taça nacional é vencê-la, mas para isso precisamos de estar preparadas para os próximos jogos e ganha-los com uma grande vontade e determinação quando entrarmos dentro de campo, só assim será possível”.
“Fiquei muito feliz por ter marcado aqueles dois golos que nos deu a vitoria”.

- Desporto Almada ouviu também Filipa Assucena, a autora dos dois golos do Paio Pires, sobre o jogo:
- Sobre o jogo disse-nos: - “- Foi um bom jogo entre as duas equipas nós estivemos sempre por cima do jogo mostramos que queríamos ganhar e merecemos, justamente o triunfo, já que fomos a melhor equipa em campo”.

- Impor uma derrota a uma equipa que na presente época não tinha sofrido o sabor amargo da derrota. Decerto que teve um sabor especial?
Filipa Assucena, a libertar-se de duas jogadores leoninas

- “Naturalmente que não foi uma vitória qualquer, foi uma vitória que deixou todo o grupo de trabalho, feliz e que vem ao encontro das nossas ambições e estamos todas orgulhosas, e que nos vai ainda dar uma maior responsabilidade nesta Taça Nacional de juniores”.

- Dois golos importantes no triunfo da equipa. Com vivestes esses golos?
- “Fiquei muito feliz por ter marcado aqueles dois golos que nos deu a vitoria”.

- Podes descrever cada um dos lances em que resultou nos dois golos que concretizas-te?
- “Sim. O primeiro resultou de um canto do lado direto bola metida para a pequena área, onde eu saltei e de cabeça e faço o golo. 

O segundo golo resultou de uma jogada de Mariana Alberto que ganhou uma bola a meio campo, vai pelo corredor lateral, chega a linha de fundo cruzou o esférico para a área, onde apareceu Érica Monteiro, mas a não conseguir chegar ao esférico, a bola vai ao segundo poste, onde apareci eu que me limitei a desviar o esférico para o fundo das redes leoninas, estava assim feito o segundo golo”.

- E agora, como vai ser a vossa prestação na taça?
-“Agora é continuar a trabalhar como até aqui, temos uma excelente equipa que sabe do seu valor e tentar ir o mais  longe possível na Taça Nacional e se possível vencê-la”.

A equipa do Paio Pires alinhou com as seguintes atletas:
- Beatriz Amaral; Sofia Hilário(cap.), Ana Carolina, Soraia Aperta, Pipa, Mariana Alberto, Iris Folques, Carolina Silva e Fabiana Rodrigues.
Jogaram ainda: Raquel Silva, Beatriz Sebastião, Erica Monteiro, Mafalda Leão e Daniela Moreira.

Treinador: Rui Lourenço

Sem comentários:

Enviar um comentário