Follow by Email

domingo, 5 de março de 2017

Futsal com recorde de praticantes- Ultrapassado o número de 32 mil praticantes


A FPF ultrapassou o número de 32 mil praticantes de futsal. Em relação ao período homólogo registou-se um aumento de 4,8% de praticantes femininos e 2,9% masculinos.
O futsal registou no início deste mês de março o número recorde de 32 118 praticantes, tendo crescido 3,1%.
O membro da direção da Federação Portuguesa de Futebol responsável pelo futsal, Pedro Dias, explicou ao fpf.pt a importância destes números e o que esteve na origem deste crescimento.
“Tratando-se de um recorde, este número é relevante, sendo no entanto apenas um indicador que nos permite medir a eficácia das medidas que foram construídas e implementadas de forma partilhada com os diversos agentes desportivos, nomeadamente as associações de futebol, os clubes, os treinadores, os árbitros e os parceiros comerciais. Alcançámos este número durante a atual época desportiva e é possível antecipar que este irá aumentar até ao final da época. Este trata-se também de um indicador do investimento que a FPF tem feito no desenvolvimento desta modalidade e corolário do que foi a implementação de um plano de desenvolvimento estratégico do futsal. Aumentou-se a oferta em termos desportivos, e encontrámos por parte das associações de futebol e dos clubes a recetividade que nos possibilitou um crescimento desta dimensão.”
Apesar dos números deste crescimento, Pedro Dias destaca que a Federação Portuguesa de Futebol tem os olhos postos no futuro e aponta o caminho, registando o potencial de crescimento do futsal feminino, que teve um aumento de 4,8% em relação ao período homólogo.
“Vamos olhar para o futuro, tendo a noção que existe a oportunidade de consolidar este crescimento de forma sustentada para atingir outros patamares. Precisamos de qualificar o processo de intervenção na formação dos nossos jovens praticantes de futsal, ou seja, elevar o nível e a qualidade da intervenção técnica. Para além deste aspeto, vamos focar-nos na melhoria das condições e na oferta de provas nas diversas regiões do nosso País, através das nossas associações de futebol distritais e regionais. Além disso, vamos tentar reforçar o programa de alto rendimento das seleções nacionais, através da criação de centros de treino, em estreita parceria com as associações de futebol."
"A acrescentar a estes objetivos prioritários, é muito relevante que possamos também crescer na prática feminina de futsal, pois trata-se de uma das principais áreas onde estamos a apostar", acrescentou Pedro Dias.
Ainda em relação a este número recorde, o diretor da FPF concluiu que: "Para consolidar este crescimento, queremos também efetuar o reforço das parcerias e o trabalho de proximidade com os nossos sócios, nomeadamente as associações de futebol que estão no terreno em contacto com os clubes”.
Fonte:FPFutebol

Sem comentários:

Enviar um comentário