Follow by Email

domingo, 7 de maio de 2017

II Liga »» FC Vizela 2 - 3 Cova da Piedade » golo de Dieguinho aos 90+4' garantiu os preciosos três pontos


Dieguinho o marcador do golo da vitória dos piedenses. Foto aquando do jogo
 da 1 ª volta entre o Cova da Piedade e o Vizela
O Cova da Piedade, arrancou esta tarde em Vizela uma preciosa vitória[2-3] ante a turma local, com golo de Dieguinho aos 90+4´ e assim está a um passo de carimbar o passaporte para a época  2017/2018, num jogo bastante renhido e em que ambas as formações tinha como meta o triunfo que acabou por pender para as hostes piedenses, com a turma local a adiantar-se no marcador antes do intervalo.

Na segunda parte a turma liderada por João Barbosa, entrou melhor na partida e aos 56 minutos Adilson restabeleceu o empate para Evaldo aos 70 minutos dar a cambalhota no resultado.


Em vantagem no marcador o Cova da Piedade acabou por sofrer o empate aos 77 minutos por Panin, para já em período de descontos concedidos pelo árbitro, a turma da cidade de Almada, conseguir chegar ao golo que lhe garantiu a vitória, golo esse marcado por Dieguinho, após a marcação de uma canto contra o Cova da Piedade, a bola foi aliviada pela defensiva piedense para meio campo, com Dieguinho a apossar-se do esférico e ter a passadeira vermelha  até chegar ao golo, já que o guarda redes local Pedro Albergaria,tinha ido à área piedense, aquando da cobrança do respetivo canto.


Na primeira parte as duas equipas mostraram muito receio de se imporem no jogo, ainda que o Cova da Piedade tenha rondado com mais empenho a baliza adversária.

Mas o afinco não surtia qualquer efeito e foi o Vizela quem criou os lances de maior perigo. Aos 23 minutos, Alex Porto de livre obrigou o guardião visitante a mostrar atributos. E aos 41 Homero empurrou para a baliza após cruzamento de João Vieira, inaugurando um marcador que não teve mais descanso ao longo da tarde.

O Cova da Piedade entrou com vontade de inverter o resultado e assumiu as despesas do jogo. Luís Silva, aos 55’, com um remate forte de longe para defesa do guarda-redes minhoto, podia ter feito o empate, que inevitavelmente acabou por surgir aos 57 minutos, graças a um remate cruzado de Adilson, após assistência de Ballack.

A partida, até aí monótona e jogada sobretudo na paciência, ganhou ritmo e o clube orientado por João Barbosa conseguiu a reviravolta com um golo de Evaldo aos 70 minutos, mas também só fez a festa durante sete minutos, altura em que Prince fez o 2-2.

Na reta final o jogo ganhou contornos mais agressivos e acabou de forma caricata com um golo quando já passavam cinco minutos do tempo regulamentar, com assinatura de Dieguinho, que recolheu a bola perto do meio campo e correu para a baliza sem oposição nem mesmo do guardião vizelense que tinha ido para a área contrária ajudar a equipa quando esta batia um canto.

Antes, Cláudio viu ordem de expulsão ao acumular amarelos numa falta dura sobre Soares (84 minutos). E Luís Silva viu vermelho direto por rasteirar João Pedro (90).

Jogo realizado no Estádio do FC Vizela, em Vizela. Ao intervalo: 1 - 0. Resultado final: 2-3

Árbitro: Hugo Miguel (AF Lisboa).

FC Vizela: Pedro Albergaria, João Pedro, Cláudio, João Cunha, Kouau, Alex Porto, Homero, Tiago Ronaldo, Helinho (André Pinto, 60), Panin (Prince, 61) e João Vieira (Fortes, 69).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Cláudio (39’ e 84’), André Pinto (75’) e Tiago Ronaldo (81’)
Carão vermelho por acumulação de amarelos para Cláudio (84’).

Suplentes não utilizados: Tiago Guedes, Miguel Oliveira, Tiago Martins e Kukula
Treinador: Carlos Cunha.

Clube Desportivo da Cova da Piedade: Pedro Alves; Adilson(Irobiso,78’), Miguel Ângelo, Roberto Cunha, e Evaldo; Chico Gomes, Soares, Robson (Siaka Bamba,90+1’) e Luís Silva; Ballack (Filipe Godinho (71’) e Dieguinho.

Suplentes não utilizados: Guilherme Oliveira, Bruno Sapo,Yi e Rui Varela.

Ação disciplinar: cartão amarelo para Roberto Cunha (26’), Robson (32’), Adilson (75’), Filipe Godinho (85’) e Miguel Ângelo (88’). Cartão vermelho direto para Luís Silva (90’)

Treinador: João Barbosa

Golos:   1  -   0, aos 41 minutos por Homero; 1 - 1, aos 57 minutos por Adilson;1 – 2, aos 70 minutos por Evaldo; 2 – 2, aos 77 minutos por Prince e 2 – 3, aos 90+4 minutos por Dieguinho.



 Assistência: cerca de 1500 espetadores
Fonte:Lusa

Sem comentários:

Enviar um comentário