Follow by Email

quarta-feira, 3 de maio de 2017

Memórias» Andebol » 1ª Divisão Nacional/Fase Final: Almada AC 28 -Sport Lisboa Benfica, 33

Enfim uma autêntica lição de arbitrar, obrigando o público a render-se ao seu trabalho

Perante uma assistência que superlotou o Pavilhão da Escola António da Costa, em Almada, para presenciar o encontro entre o Almada Atlético Clube e o Sport Lisboa e Benfica a contar para a 3 ª jornada do Campeonato Nacional- Fase/Final, partida essa que se revestiu de grande expectativa.

A presença do Campeão Nacional em Almada e a excelente carreira da equipa do Almada, nesta fase final eram aliciantes bastantes válidos para um bom jogo de andebol.  Dispondo de um plantel bastante valioso o Benfica cedo tomou o comando do jogo, não obstante a forte réplica que lhe foi movida pela a aguerrida formação do Almada, o intervalo chegou com o resultado em 14 – 15 a favor do Benfica.

No recomeço da segunda parte os campeões nacionais, aproveitando-se da má finalização do ataque almadense, aumentaram o resultado para 16-20. Com público afecto ao Almada a puxar pela sua equipa o resultado aos 16 minutos atingiu os 22- 24, mas a desqualificação de Pimenta e o cansaço físico de alguns elementos foi o suficiente para o Almada quebrar e  devido também  à falta de um banco pouco homogéneo, não conseguiu resistir à formação do Benfica que com um valioso plantel, pode dispôr de várias soluções para resolver o jogo.

Em relação ao trabalho da dupla de arbitragem que viajou do Porto, demonstrou uma personalidade há muito que não víamos em recintos desportivos. Enfim uma autêntica lição de arbitrar, obrigando o público a render-se ao seu trabalho

Ficha do jogo
Partida realizada no Pavilhão D. António da Costa, em Almada – Fevereiro 1983. Resultado final:28 - 33.

Árbitros:  Jerónimo Silva e José Ribeiro (A.A. Porto)

Almada Atlético Clube:  Saraiva e Tomasini; Teixeira (1), Pimenta(1), Raul, Francisco Amorim (8), Manuel Sapinho, António Freitas, João Marques, Carlos Ferreira, Alberto Paris (6), Armindo Lima (12).

Sport Lisboa e Benfica:  Orlando e Mesquita; José Manuel (7), J. Lopes, Vasco Vasconcelos (5), Ferreira (3), Mozimann (2),Rui Ferreira(5),Veríssimo(2), João Gonçalves (7), Montenegro e Bernardo Vasconcelos (2)

Nota:   Melhores marcadores do Almada ao fim da 3 ª : Armindo(26), Alberto Paris(21) e Francisco Amorim(18).

Registo: Esta foi a minha primeira crónica de um jogo de andebol.

Sem comentários:

Enviar um comentário